Uma Páscoa em saída…

Uma Páscoa em saída…
Há quase 40 anos,  se radicar nas margens de Alagoinhas, caracterizadas por pequenos sítios de laranja, foi um sinal de saída.
Os anos passaram, entraram  luz, transporte coletivo, água, tudo da cidade, claro não sem luta, e assim também a vida da Comunidade dos irmãos se estabilizou.
Precisou de um Papa Francisco, de um ano jubilar da misercórdia, para desestabilizar nosso programa da Semana Santa e Páscoa.
O encontro de Betânia, como oração da noite, foi celebrado na Nova República dentro da capela em construção. A oração foi acompanhada por umas 30 pessoas.
6ª feira Santa, a Paixão ao vivo, preparada pelos jovens, foi celebrada no Alto da Cruz, bairro sem paz devido as drogas. Pastores evangélicos que reunem suas comunidades no mesmo bairro, estavam presentes.


Ainda no tempo pascal, na primeira 4ªf de abril houve a oração de Taizé no colégio Vieira em Salvador.
Em vez de ser na capela Santo Inácio foi no Santuário Nª Sª de Fátima devido ao grande número de pessoas, pessoas do curso noturno gratuíto do colégio que quis celebrar a sua Páscoa.

Bookmark the permalink.

Comments are closed.